All Blacks vencem a primeira no Tri Nations


allblacks_white versus aus_logo

All Blacks e Austrália se enfrentaram ontem em Auckland na abertura do Tri-Nations 2009. A Nova Zelândia busca o pentacampeonato seguido, e o décimo título, muito à frente de Wallabies e Springboks, que possuem 2 títulos cada, e a vitória de ontem foi o primeiro passo nessa direção.

Acompanhei a partida no O’Malleys, e apesar de entender, achei que eles deveriam manter a cozinha aberta durante o horário do jogo, que acabou às 6h00. Não acho que quem vá ao bar somente para assistir o jogo às 4h30 da manhã deva pagar R$20,00 de entrada também, talvez se fosse consumível…

Em um jogo morno com poucos lances realmente empolgantes, o All Blacks derrotou os Wallabies por 22 a 16 (10 x 13), depois de ficar em desvantagem por grande parte do jogo, começando com pé-direito a jornada rumo ao título do 3-Nations 2009.

O começo do jogo no entanto, não dava pistas de que o desfecho seria esse. A Austrália dominou o início do jogo, criando as melhores oportunidades e pressionando o adversário, o que resultou em um try logo aos 5 minutos de jogo. O fullback australiano passou com alguma facilidade pela defesa dos homens de preto, e mesmo derrubado, conseguiu se levantar e dar sequência na jogada, que culminou no try de Berrick Barnes. Com a conversão de Matt Giteau, o placar ficou em 7 a zero.

O placar teve nova movimentação, apenas 5 minutos depois, quando o mesmo Matt Giteau acertou um penalty de mais de 40 metros, aumentando a vantagem dos visitantes para 10 pontos. Os Wallabies não venciam em Eden Park desde 1986, e a vitória parecia que viria dessa vez. Com quase 20 minutos, o time da casa chegou aos seus primeiros pontos, com Stephen Donald convertendo uma penalidade. Ele havia desperdiçado um chute relativamente fácil minutos antes. Matt Giteau, contudo levou a vantagem para 10 pontos novamente, com mais uma penalidade, deixando o placar em 13 a 3.

A essa altura, a pressão Wallabie era menor, e deixava espaços para os All Blacks jogarem, e quando isso aconteceu, Richie Mccaw, de volta a seleção, guardou o seu try, encarando três jogadores adversários, mas com forças para mergulhar e apoiar a bola no chão, definindo o placar do primeiro tempo. Antes do fim, houve tempo para Matt Giteau desperdiçar dois penalties para o lado australiano, e Donald um penalty pelo lado do time da casa. Não sei se estou acostumado a ver os chutes perfeitos de Stephen Jones e Ronan O’Gara, mas me pareciam chutes com pouca dificuldade de conversão. Ventava muito no local, o que deve ter dado trabalho extra para os chutadores.

No segundo tempo, a Austrália continuou desperdiçando algumas jogadas, ao mesmo tempo em que permitia aos donos da casa jogar com mais liberdade, aumentando a confiança dos mesmos em buscar a vitória. Stephen Dponald tratou de acertar 2 penalidades de 40 metros cada colocando o time de preto pela primeira vez à frente do marcador. Matt Giteau respondeu com mais um penal, igualando o placar.

Após mais uma conversão de Donald, o mesmo Matt Giteau desperdiçou uma chance para empatar, faltando menos de 15 minutos para o final, ao errar um penalty de curta distância. Faltando menos de 10 minutos para o fim, um penalty convertido por Donald ampliou a diferença para 6 pontos, colocando números finais na partida. Os australianos precisavam de um try, mas não conseguiram mais transpor a barreira adversária, mais sólida a essa altura do jogo. Assim, é a terceira vez seguida que a Austrália perde para a Nova Zelândia depois de liderar o primeiro tempo. Ficou claro o desapontamento dos Wallabies após o jogo, pois sabe, que a vitória esteve em suas mãos na maior parte do tempo, e foram os maiores responsáveis por entregá-la aos All Blacks.

 

Na próxima partida no torneio, a África do Sul recebe a Nova Zelândia em um horário menos ingrato para nós brasileiros (10h), disposta a mostrar que “o melhor preparo possivel para o Tri-Nations” nas palavras de Peter De Villiers, em referência aos jogos contra os Lions realmente faz diferença.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: