Shute Shield, a competição de Tuqiri


A notícia de rugby internacional que mais me chamou a atenção nos últimos dias foi o retorno de Lote Tuqiri aos gramados.

O ex-Wallabie havia sido literalmente demitido pela Australian Rugby Union (a ARU) e banido de disputar partidas profissionais pela seleção australiana e por sua equipe de Super Rugby, o NSW Waratahs. O motivo para tal tinha sido um embroglio envolvendo a equipe de rugby league do South Sydney Rabbitohs, que pretendia contratá-lo. Tuqiri não foi para os Rabbitohs, e agora está de volta aos gramados de rugby union, atuando pelo West Harbour, de Sydney, equipe que disputa o Shute Shield. O que seria o Shute Shield?

Trata-se do “campeonato estadual” de Nova Gales do Sul, estado australiano onde está localizada Sydney. Coloquei o termo entre aspas porque a competição envolve apenas clubes de Sydney e arredores, sendo que as demais equipes do estado são governadas por uma outra entidade e disputam outras competições. Isto é, a NSWRU, união que organiza o Shute Shield e é representada no Super 14 pelos Waratahs restringe-se apenas à região de Sydney. Ainda assim, podemos considerar o Shute Shield um campeonato estadual. E mais: o mais forte de toda a Austrália.

O rugby australiano é diferente do sul-africano e do neozelandês. A primeira diferença é que o nosso rugby union não é o mais popular no país. Os australianos preferem o rugby league, e torcem fielmente para os clubes profissionais que disputam a National Rugby League, a NRL – onde joga o South Sydney Rabbitohs, por exemplo. O rugby union, por ter se mantido amador até 1995, perdeu espaço para o rugby league e tinha como atrações apenas a seleção nacional (os Wallabies) e as seleções estaduais, especificamente as seleções de Nova Gales do Sul e de Queensland, estados onde o rugby é forte.

Os clubes de rugby union sempre foram muito numerosos, mas sempre se mantiveram amadores. Em 1996, tudo mudou com a criação do Super 12 e a profissionalização do rugby union australiano. O país passou a ter três equipes profissionais: ACT Brumbies, da capital Canberra (bastião do rugby union), NSW Waratahs, baseado em Sydney, e o Queensland Reds, baseado em Brisbane. No etnanto, o Super 12 (hoje Super 14) continuou sendo a única competição profissional do rugby union australiano.

Esta é a segunda diferença da Austrália para a África do Sul e Nova Zelândia. Os sul-africanos possuem um campeonato doméstico profissional, a Currie Cup, e os neozelandeses o mesmo, com a Air New Zealand Cup. Já os australianos, não. Abaixo do Super 14, os campeonatos de rugby union mais importantes são justamente os estaduais mais fortes: o Shute Shield, de Nova Gales do Sul, e o Queensland Premier Rugby. Como os clubes da NRL (do rugby league) e as “seleções estaduais” profissionais do Super 14 dominam as torcidas de rugby, o Shute Shield costuma ser esquecido e permanece fiel ao amadorismo tradicional.

Apesar disso tudo, desde o início do profissionalismo, o rugby union vem tendo substancial crescimento e já se equipara ao rugby league, tendo como prova a popularidade dos Wallabies e a média de público do Super 14, superior à da NRL – guardadas as diferenças no número de equipes: 4 australianos disputam o Super 14 e 15 jogam pela NRL.

Atualmente 12 clubes disputam o escudo de Sydney:

Eastern Suburbs (com 10 títulos), Eastwood (3 títulos), Gordon (8 títulos), Manly (7 títulos), Northern Suburbs (6 títulos), Parramatta Two Blues (3 títulos), Penrith (nenhum título), Randwick (28 títulos), Southern Districts (1 título), Sydney University (21 títulos), Warringah (1 título) e West Harbour (2 títulos).

O atual campeão é Sydney University que, junto do Randwick, verdadeira potência da cidade, vem dominando o torneio.

Anúncios

Uma resposta

  1. A NRL tem 16 equipes, 15 australianas e 1 neozelandesa. Em 2011,o Super 14 virará Super 15, e a Austrália poderá ter um 5º time, com sede em Melbourne

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: