Agora é oficial: Melbourne no Super 15!


Nesta quinta-feira o conselho de arbitragem na SANZAR, formado por dois especialistas neozelandeses, anunciaram a vitória da candidatura da cidade australiana de Melbourne para a nova expansão do Super Rugby. Em 2011, o Super 14 virará Super 15, e o novo time será da Austrália!

Melbourne_Rebelssuper 14

Após longos meses de negociações e candidaturas mal-sucedidas, a SANZAR anunciou dois candidatos finalistas para receberem o 15º time do futuro Super 15. Southern Kings, da África do Sul, e Melbourne, da Austrália, foram os dois finalistas. A impossibilidade de dar a vitória para um dos dois lados – já a ARU apoiava Melbourne e a SARU os Kings – levaram a SANZAR, órgão diretivo do Super Rugby, a deixar a decisão para a arbitragem de dois especialistas neozelandeses considerados imparciais na escolha – o ex-All Black David Kirk e David Paterson, do Tribunal Desportivo do país.

Os Southern Kings são herdeiros da antiga candidatura de 2005 dos Southern Spears. A equipe representava as uniões do Eastern Cape (Mighty Elephants), Border (Bulldogs) e South West Districts (Eagles), e teria sede na cidade de Port Elizabeth, no novo Nelson Mandela Stadium. A bandeira da franquia era formar um time todo composto por jogadores negros, o que lhes dava apoio do governo e do parlamento sul-africano. Contudo, o fato de a equipe ter que jogar no grupo australiano – já que o Super 15 terá 3 grupos com 5 equipes cada – não era bem visto pelos organizadores do torneio.

Já Melbourne era, a princípio, a escolha mais desejável. Uma grande cidade com um mercado consumidor que, mesmo sendo completamente dominado pelo futebol australiano, não deixava de ser interessante. O rugby union entrar e crescer dentro do coração do futebol australiano é um dos grandes objetivos da ARU. A perda da candidatura de 2005, para o Western Force, ainda era sentida por muitos dos entusiastas do rugby union no estado de Victoria, e dar a nova franquia à Melbourne seria acertar as contas com o passado. O novo estádio, exclusivo para rugby e futebol está sendo construído, o Melbourne Rectangular Stadium, com capacidade para 30,000 pessoas, será a casa do Super 15 na cidade. O nome a ser adotado poderá ser Melbourne (nome da cidade) ou Victoria (nome do estado) Rebels, dando continuidade à equipe do antigo Australian Rugby Championship. Outro fator considerável à favor de Melbourne (Victoria) é a rivalidade esportiva intensa com Sydney (Nova Gales do Sul). Apesar de todos os atrativos, a candidatura aussie vinha sofrendo para dar as devidas garantias financeiras à SANZAR.

Levando todos os fatores que citei em consideração, a arbitragem dos especialistas da SANZAR escolheu Melbourne como a nova franquia. O motivo são as novas perspectivas econômicas e a nova dimensão que o Super Rugby ganhará na Austrália com a nova equipe. Grandes jogadores deverão assinar com a equipe, como Rocky Elsom. O técnico dos Wallabies, Robbie Deans, destacou a importância da escolha de Melbourne no desenvolvimento do rugby union na Austrália. A inclusão do time deverá fortalecer a competição em um país onde ela vive à sombra das duas ligas mais fortes e populares: a AFL (futebol australiano) e a NRL (rugby league).

Que venham os Rebels!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: